Nos Bastidores do Blog

Minha foto
Rosangela Enéas é publicitária, especialista em docência no ensino superior, escritora ghost writer e master coach. Como empreendedora responsável pela Unicórnio Autorias de Pensamento, vem ao longo de aproximados dezoito anos, mantendo o foco em Marketing de Conteúdo utilizando técnicas de Coaching como base metodológica para prestar serviços dentro de suas competências.

18/01/2019

Evite Confusões: O que NÃO é Coaching

Evite Confusões: O que NÃO é Coaching

Você já deve ter percebido o quanto alguém que, embora não carregue uma formação específica, é capaz de passar a ter um papel influenciador suficientemente significante, a ponto conseguir de modificar – para melhor ou para pior - a vida de uma pessoa.

Seja essa pessoa um professor, um parente, um médico, um feirante ou, até mesmo, aquela vizinha “fofoqueira”, dependendo do nosso estado de ânimo, será capaz de provocar em nossa mente, uma abertura (aceite) de crédito (confiança) maior do que provavelmente, deveria receber.

O mesmo ocorre no meio administrativo que, submete suas equipes em treinamentos que acreditam ser de Coaching, mas que, na realidade não são.

Tal troca de gato por lebre é capaz de causar prejuízos administrativos, porque a escolha de treinamento equivocado poderá ter efeito reverso: afastar o público interno do alcance das metas desejadas. Isso, sem falar que gerentes, gestores ou líderes, serão obrigados a contabilizar uma preciosa perda de tempo, por terem de retomar seus planos de ação a partir do ponto em que o foco do escopo ainda estava sofrendo os ajustes necessários.
Sendo assim, confira que:
 
  • Coaching NÃO É MENTORING!

Porque um profissional de Coaching não é capacitado para transformar suas sessões em tutorias, ou seja, quando um profissional mais experiente orienta profissionais mais jovens que ele próprio, ao redor de um mesmo tema/problema, fornecendo orientações e conselhos relativos aos tais. 

Outra diferença entre Mentoring e Coaching, é que embora ambos trabalhem com abordagens que partam do âmbito pessoal para o profissional, o primeiro não se preocupa em fazer com que a pessoa alcance objetivos específicos dentro de um determinado espaço de tempo, ao contrário do Coaching, que limita esse processo.

  • Coaching NÃO É TERAPIA!

A terapia possui caráter clínico, diferentemente do Coaching, que tem caráter técnico. Ela também trabalha com pessoas que apresentam problemas, disfunções ou transtornos psicológicos, com o propósito de cura mental, muitas vezes focada no passado de seus pacientes. 

O Coaching por sua vez, trabalha com mentes de clientes capacitados no entendimento de processos sistêmicos e que, tenham concentração voltada para resolução de conflitos presentes e futuros. Em Coaching “o olhar” é sobre soluções rápidas e viáveis, e não sobre detecções de problemas que necessitam de diagnóstico e aconselhamento.

  • Coaching NÃO É TREINAMENTO!

Um treinamento objetiva transferir determinada(s) habilidade(s) ou conhecimento(s) para uma pessoa, a fim de que ela os adquira, focando resultados imediatos. Posso citar como exemplo: estudos, experiências ou qualquer tipo de ensino que tenha como base geral transferir conhecimentos  de "um para muitos", mais do que de "um para um". 

O Treinamento responde. O Coaching questiona. O treinamento oferece soluções. O Coaching oferece reflexões sobre possibilidades. O treinamento fornece o conhecimento pronto. O Coaching por sua vez, apenas escolhas mais plausíveis.

  • Coaching NÃO É ACONSELHAMENTO (COUNSELING)!

Porque apesar do Coaching trabalhar também com clientes que se sentem constrangidos ou insatisfeitos com sua vida e que por conta, sentem a necessidade de buscar orientações e conselhos; nenhum profissional de Coaching está capacitado para tanto. 

O counselor (conselheiro) é um profissional habilitado a sanar o problema PELO cliente. O coach(profissional de Coaching) apenas oferece questionamentos com grau técnico de elaboração para que seu coachee (cliente) sinta-se apto a resolver (encontrar as respostas) seus próprios problemas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário